top of page

Ensino

Projeto Político Pedagógico

 

Educação Infantil

​          Compreendemos a criança como um ser produtor de história, de conhecimento, de cultura. Acreditamos na Educação Infantil como uma etapa fundamental para o desenvolvimento da criança, na qual ela tem a oportunidade de desenvolver-se integralmente, nos aspectos sociais, físicos, emocionais, psicológico, através de ações cotidianas e propostas desafiadoras. 

         

Propostas e Metodologia

         Na instituição Amiguinhos do Planeta acreditamos em realizar um trabalho responsável, que cria indivíduos criativos, seguros, autônomos e conscientes de seu papel na sociedade e no mundo. Desta forma, elaboramos uma proposta sustentável em que as crianças têm contato com diversos elementos naturais e materiais não estruturados, estimulando assim o senso de pertencimento à natureza e a criatividade. Dentro da nossa Escola as crianças são as protagonistas da própria infância, pois nossa metodologia proporciona autonomia e contempla os desejos e necessidades de cada grupo através de Projetos Pedagógicos.

 

Projetos Pedagógicos

          Através de um olhar sensível e uma escuta atenta, nossas educadoras criam Projetos Pedagógicos específicos para cada grupo de crianças. A escolha de temáticas se dá de acordo com os interesses e necessidades das turmas, que buscam respostas e constroem o conhecimento por meio da prática e da pesquisa.

Projeto Verão

          Durante os meses de janeiro e fevereiro nossa Escola tem o período de Projeto Verão, no qual damos uma pausa nos Projetos Pedagógicos de cada turma e fazemos muitas brincadeiras com água e outras propostas relacionadas a estação.

Atividades especializadas

  • Yoga

  • Dança

  • Teatro

  • Culinária

  • Educação Ambiental 

 

Horta orgânica

          Nossa horta orgânica é um espaço que convida as crianças a explorarem o mundo, como um laboratório natural de pesquisas. Nela nós plantamos, cuidamos, observamos, cheiramos, colhemos... temos inúmeras sensações e sentimentos. Acreditamos que o contato diário com a natureza constrói o sentimento de pertencimento, o que resulta em respeito e afeto às diferentes formas de vida.

          A prática na horta torna a alimentação saudável mais interessante e divertida, pois as crianças participam do processo de produzir o próprio alimento. A horta também é um meio de exercermos a solidariedade e cuidado com o próximo, visto que compartilhamos nossos excedentes em uma iniciativa chamada "Sirva-se à vontade", na qual distribuímos kits de temperos para a vizinhança.

 

 

 

 

 

 

Abelhas Jataí

      Essas pequenas abelhinhas não possuem ferrão e são muito mansas, em função disso elas podem ser criadas perto de casas, de pessoas e animais sem oferecer risco. O mel da Jataí é saboroso, suave e possui propriedades medicinais, é usado como fortificante e anti-inflamatório. Além do mel, a Jataí produz própolis e cera.

       As abelhas são heroínas, pois prestam um serviço fundamental para a vida em nosso planeta: a polinização. A maioria das plantas precisam ser polinizadas para se reproduzirem, gerando sementes, frutos e outras plantinhas.

Permacultura

          Os espaços projetados na Escola Infantil Amiguinhos do Planeta foram baseados nos princípios da Permacultura, que hoje em dia já é considerada uma ciência holística para o planejamento de espaços para uma longa permanência dos seres humanos, animais, fungos e plantas, proporcionando uma relação mais harmoniosa com o ambiente.

          A agricultura urbana e a jardinagem são grande aliadas para sensibilização com o ambiente, inclusive diminuindo os níveis de depressão, aumentando a imunidade do corpo e auxiliando no que hoje virou uma doença até pouco tempo atrás impensável, o Transtorno de Déficit de Natureza (TDN).

          “Mesmo quando praticada em escala mínima, a jardinagem restabelece um certo elo entre o ser humano e a Natureza, abrindo-nos os olhos para seus mistérios. Tivéssemos mais jardins, públicos e privados, seria mais amena e menos embrutecedora a vida nas cidades."          

                                                                                   José Lutzenberger no livro Manual de Ecologia - Do Jardim ao Poder de 1985

cardapio 2.png

Nutrição

cardapio 1.png